Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Início » Moscovo / Moschus

Moscovo / Moschus

Casali

Moscovo / Moschus

Autores: V. W.D.Casali, F. M.C.Andrade, E. S.M.Duarte

Livro:  Acologia de Altas Diluições

A preparação básica é feita com secreções retiradas da base do chifre do animal mamífero semelhante a rena, família Bovidae. A substância oleosa, odorífera e volátil, é denominada almíscar.

Palavra chave:
Desmaio, paroxismo nervoso, frialdade.

Patogenesia
Sinais Funcionais:
Excitação sexual por congestão dos órgãos genitais. Excitação mental. Hipersensibilidade nervosa. Espasmos.

Sinais de Exaltação
Sensações:
Constrição e sufocação na garganta e no peito, constrição e tremor ao redor do coração, peso no vértex, desfalecimento pelo toque na vagina, estar caindo de local muito alto, menstruação chegando, surdez, estar ausente, prego entrando na cabeça, corda apertando e cortando a cabeça, percebe o ar deslocado ao movimentar, algo como bola subindo pela sua garganta, todos serem hostis, desmaio, figuras grandes e pretas vão saltar, dedos dos pés e das mãos estão feridos ou amputados. Ilusão de ser cego.

Sinais Comportamentais:
Riso incontrolável, hipocondria sexual. Comporta-se como: rabujento, ansioso, assustado, apressado, desalentado, brigão, resmungador, raivoso, violento, apreensivo, astuto, desobediente, indisciplinado, hipocondríaco, nervoso. Fala consigo mesmo e até gesticula. Deixa os objetos caírem das mãos.

Sinais Metais:
Memória fraca. Dificuldade de pensar. Lentidão mental. Memória desaparece súbitamente (associada a sensação depressão no vértex). Distração mental impede de trabalhar. Pensamentos estúpidos.

Sinais Emocionais:
Deprimido, tristonho. Humor chorão alterna com riso ou raiva. Humor irritado. Levanta-se com raiva. Irritabilidade faz chorar.

Sinais Físicos:
Contrações dolorosas na região umbilical com sensação de parada do coração. Espasmos abdominais histéricos. Cianose facial por espasmo da glote. Fortes dores uterinas. Dores de cabeça com náuseas e vômitos. Dor compressiva particularmente na raiz do nariz. Respiração asmática com intensa ansiedade. Odor forte na urina. Dor no occipício do crânio. Palpitação, tremura.

Sinais Gerais:
Sonhos agitados, vívidos, de fundo erótico, briga com gente doente. Bocejos e muita sonolência. Perde o autocontrole e grita. Exagera ou simula sintomas. Confusa sobre seus sintomas. Com medo da morte, com palidez facial e desmaiando. Medo de deitar-se por temor de morrer.

Generalidades
Agrava:
Com frio.
Melhora:
Ao ar livre, com massagem.

Perfil (Criança):
Tem sexualidade precoce, formigamento nos membros, uma face vermelha e outra pálida, insônia, facilidade em desmaiar. São: histéricas, cansativas, perturbadoras, nervosas.

Indicações
Quadros Comuns:
A) Sistema Nervoso (5 a 9CH) – Hipersensibilidade, distúrbios nervosos exacerbados, sensações são aumentadas ou imaginadas, principalmente em mulheres. Crises nervosas com manifestações exageradas. Variação no humor, sensibilidade ao frio, desejo de estimulantes, tendência a desmaios, olhos fixos e brilhantes, uma face fria/vermelha a outra quente/pálida. Constrição da garganta/ peito, palpitações, tremor, vertigem, ofuscação da vista, excitação sexual, insônia.
B) Distúrbios Diversos – Crises histéricas, palpitações nervosas. Convulsões (fica consciente ou não), epilepsia, histeria. Convulsão: dor espasmódica. Fraqueza que piora após repouso. Dispneia nervosa, crupe, coqueluche, crise de asma em crianças, soluços nervosos, sensação exagerada de frio, arrotos com barulho, espasmo da glote. Violenta excitação sexual. Menstruação suspensa causando sufocação da garganta/ falta de ar.
Atenção:
Quadros de sufocação, alcoolismo, muco preso, soluços nervosos espasmódicos, impotência no diabético. Nas crises: tomar 3D a 5CH. Distração mental que impede
trabalhar.

Antídotos:
Camphora, Coffea.

Incompatibilidade:
Ambra.

Duração:
1 dia.

Outras Denominações:
Moschus moschiferus, Moschus tibetanus, Moschus tunquinensis.

Proximidades:
Nux moschata, Asa foetida, Valeriana, Sumbulus, Ignatia, Castoreum.

Moscovo / Moschus

Autor: Dr. S. R. Phatak 

Obra:  Matéria Médica Concisa

Generalidades:
O almíscar é um perfume bem conhecido, que causa desmaio em alguns pelo mero cheiro; portanto, o desmaio fácil em qualquer condição de doença é sua principal indicação. É adequado para pessoas de natureza sensível, mulheres e homens histéricos. Efeitos espasmódicos e nervosos com sensação de frio. DESMAIA facilmente; enquanto come; durante a menstruação; de doença cardíaca, etc.
Espasmos; engasgos; globus hystericus, terminando em inconsciência. A partir de um vento frio soprando na parte. Tensão, nos músculos, pele, mente. Nervoso; estremecer, rir, soluçar, etc. Zumbido, aperto, sensação de plugue. Reação ruim; doenças não seguem o curso normal. Reclama sem saber o que o aflige. Epilepsia, com estremecimento a partir de um rigor ou frieza. Catalepsia. Doenças imaginárias. Meninasque são egoístas, obstinadas, obstinadas e muito mimadas; recorrem a todo tipo de astúcia para satisfazer seus caprichos. Frieza; geral ou de peças únicas. As partes deitadas parecem deslocadas ou torcidas.

Piora:
Frio. Excitação. Supressões, menstruação, etc. De lado. Durante ou após uma refeição. Pressão. Movimento.

Melhora:
Ar livre. Fricção. Cheiro de almíscar.

Mente:
Apressado; trêmulo e desajeitado; atividade explosiva, com fraqueza; para que tudo caia das mãos. Raiva violenta, fala animadamente, raves, repreende, até que a boca fique seca, os lábios azuis, os olhos arregalados e ela cai inconsciente. Teme barulho, morrendo; teme deitar-se, para que ninguém morra. Sofrimentos imaginários. Risos incontroláveis. Hipocondria sexual. A pessoa sente como se estivesse sendo rapidamente virada. Fala sozinho e gesticula. Perda repentina de memória.

Cabeça:
Vertigem, com desmaio; como se estivesse caindo de uma altura, pior abaixando, melhor subindo. Dor de cabeça, com frio, desmaios, fezes involuntárias e poliúria. Arrepios no couro cabeludo.

Olhos:
Voltado para cima, fixo e brilhante.

Ouvidos:
Soa como o disparo de um canhão. Som rápido e fugaz. Surdez nervosa.

Nariz:
Sangramento, com espasmos espasmódicos dos músculos.

Face:
Uma bochecha vermelha, mas fria, outra pálida e quente. Lábios azuis. Movimento de mastigação do maxilar inferior.

Estômago:
Desejo de café preto, cerveja e conhaque. Tudo tem um gosto plano. Eructações violentas. Soluço nervoso espasmódico. Aversão à comida. Desmaia enquanto come. Náusea, ao ver ou pensar em comida.

Abdome:
Tensão no abdome como se as roupas estivessem muito apertadas. Encarceramento de flatos. Fezes de odor adocicado. As fezes são eliminadas involuntariamente durante o sono.

Urinário:
Urina aquosa copiosa. Diabetes. Urina normal durante o dia, mas vermelho escuro, ofensivo à noite.

Macho:
Desejo sexual aumentado; com cócegas insuportáveis nas partes e dor tensiva no pênis. Impotência por diabetes. Náuseas e vômitos após o coito. Emissões, sem ereções. Ereção, com vontade de urinar.

Fêmea:
O desejo sexual aumentou, com excitações intoleráveis nas partes (em mulheres velhas). Dismenorréia, com desmaio.

Respiratório:
Súbita sufocação nervosa; quer respirar fundo; pior ficando frio; melhor arroto. Peito oprimido; espasmos histéricos do peito. A tosse cessa; o muco não pode ser expectorado. Tosse, com dor sob o peito esquerdo. Asma.

Coração:
Palpitação ansiosa; com medo da morte, diz que vou morrer. Histérico. Tremendo ao redor do coração.

Pescoço e Costas:
Tensão nas costas, antes da menstruação.

Extremidades:
Uma mão quente e pálida, a outra fria e vermelha. Membros; tenso, sinta-se muito curto. Frieza na tíbia. Doloroso; agitado.

Dormir:
Sonolento durante o dia; sem dormir à noite, acorda com frequência.

Febre:
Sensível ao ar frio, que o faz estremecer. Pele fria. Calor ardente com inquietação. Suor com cheiro de almíscar.

Relacionado:
Carb-v; Rícino; Ignorar; Nux-m; Val.

Moschus

(Almíscar)

Autor: Sr Nilo Cairo

Obra:  Guia de Medicina Homeopática

Sinonímia:
Moschus moschiferus, M. tibetanus e M. tunquinensis. Pertence às Mammalice.
Desmaio é a grande característica de Moschus. “Eu o levo sempre em minha botica portátil, por causa do seu grande valor em dois estados que pedem pronto alívio. Não conheço outro meio algum que tão rapidamente dissipe um ataque histérico, mesmo com perda de sentidos, como Moschus. Não é de menor poder nas palpitações puramente nervosas, sem moléstia orgânica é o coração” (DR. R. HUGHES). Debilidade mais acentuada pelo repouso. Dispneia nervosa ou histérica, síncope; laringite estridulosa; crupe; espasmos da glote; coqueluche; acesso de asma nas crianças; soluços nervosos espasmódicos. O doente sente muito frio. Agravação pelo frio. Hilaridade irresistível. Xosso melhor remédio dos arrotos ruidosos das histéricas. Grande flatulência. Espasmo da glote. Diabete, com impotência. Violenta excitação. Suspensão das regras, sufocação na garganta, súbita falta de ar, opressão no peito. Ninfomania.

Antídotos:
Camphora e Coffea.

Duração:
1 dia.

Dose:
“Costumo empregar a 2.a e a 3.ª dil. decimal da tintura. Creio que é mais útil administrá-las em olfação e que é inútil dá-las pela boca”. (DR. R. HUGHES).

logo-naturoergos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar Artigos
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Buscar por Autor

Veja mais Artigos