Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Início » Psorinum

Psorinum

Casali

Psorinum

Autores: V. W.D.Casali, F. M.C.Andrade, E. S.M.Duarte

Livro:  Acologia de Altas Diluições

A preparação básica é feita com excreções seropurulentas das vesículas da sarna.

Palavra chave:
Quadros crônicos, pele, abandônicos, psora. Distúrbios de pele nos animais.

Tropismo Homeopático:
Pele, vias gastrintestinais, sistema nervoso central.

Patogenesia
Sinais Funcionais:
Atraso nas funções, principalmente nutrição, causando astenia, frialdade, emaciação (perda de peso), depressão mental ou física, fraqueza das reações, tendência a irritações da pele com exonerações e eliminações (de odor ruim) pelas mucosas.

Sinais de Exaltação
Sensações: 
Úlcera sob o esterno, escarrar bolinhas como ervilha, rejeitado, desamparado, desesperança, perdeu o que é bom, atormentado por espírito, condenado, abandonado, cérebro aumentado. Ilusão: ser pobre.

Sinal Existencial:
Pensamentos de suicídio.

Sinais Mentais: 
Pensa desesperadamente na sua recuperação. Pensa obsessivamente no futuro. Pensa que não está em sua casa. Pensa que: é infeliz, não tem paz, fracassou por incompetência, precisa salvar sua alma. Confusão mental quanto ao que sente. Depressão mental. Memória fraca. Esquece muito. Esquece o que fez ou falou. Pensamento inquieto e pessimista. Pensa que já vai morrer.

Sinais Comportamentais:
Comporta-se como: ansioso, sem ambição, pessimista, sem energia, faminto, desesperançoso, encrenqueiro, desesperado, neurótico, sofredor, impaciente, irritadiço, intolerante, confuso, culpado, abandonado, fracassado, angustiado.
Hábitos: não aprecia banho, descuidado com limpeza e higiene, comer à noite, esquecer os compromissos, discutir, andar muito, contorcer as mãos, consumir bebida fria. Aversão a chuva.

Sinais Gerais:
Aspecto sujo no rosto e corpo. Distúrbios por antecipação. Acorda à noite e tem dores na cabeça tipo pancada. Muita fome entre crises de cefaleia. Olhos com bordas vermelhas. Muco bucal: denso, grudento, gosto ruim. Amídalas inchadas com dores ao deglutir. Fezes duras com muco, cheiro ruim. Insônia por prurido. Pele encardida.

Sinais Emocionais:
Depressão religiosa.

Sinais Subconscientes:
Medos: fracasso, morte, pobreza, frio, infortúnio, ser abandonado, adoecer.

Sinais Físicos:
Dor de cabeça tipo martelante, cefaleia compressiva, erupção úmida no couro cabeludo e na face. Olho grudado (blefarite). Catarro crônico. Escamas ao redor do ouvido. Dor atrás do ouvido. Líquido de odor desagradável ao redor do ouvido.
Muito prurido (pouco tolerável). Leucorreia. Asma com dispneia ou não. Prurido acompanhado ou não de erupções na pele. Coriza com aspecto esverdeado, densa e pegajosa. Dentes moles, piorreia. Diarreia súbita, odor fortíssimo, evacua na cama durante o sono. Expectoração pulmonar verdeamarelada, em resfriados e crises alérgicas. Flatos quentes, com odor de ovo podre. 
Fluxo menstrual abundante, com dores fortíssimas nesse período. Hálito repulsivo. Língua de aspecto seco, amarelada como que queimada na ponta. Prurido. Transpira na metade superior do corpo.

Generalidades
Agrava: 
Com mudança de tempo, no inverno, com café, com excesso de agasalho, com calor, após cortar cabelo.

Melhora: 
Aquecendo o corpo, deitando de braços abertos.

Perfil (Criança):
É a criança chorona que não responde aos tratamentos, pessimista, abandônica, com complexo de inferioridade, desesperança, com inquietude mental, ansiosa, com pouca energia aparente. Quando ficam muito bem significa que vão surgir sintomas imediatamente. Acordam à noite e pedem lanchinho ou vão desfalcar a geladeira. Corporalmente são frágeis, pele problemática (seca), sujinhas, corpo com odor pouco agradável, escrofulosas, seguram as fezes, não ficam bem após cortar cabelo.

Indicações
Quadros Comuns:
A) Pele
– 7 a 12CH – Astenia, irritação, frialdade, rugas, atonia, seca ou gordurosa, prurido. As erupções agravam no clima frio, lavando e no contacto com lã. Ressumação (exsudação líquida) de péssimo cheiro, alterna erupções com outras exonerações (muco, diarreia, suores, secreções, abcessos, dor de cabeça, tosse, angina, corpo com péssimo cheiro), voltam as erupções a cada inverno.
– 9 a 30CH – Rejeição a banhos de água fria, necessidade de usar roupas que aquecem mais, agrava em correntes de ar, aspecto pálido, pés com suor de cheiro repulsivo (chulé). Pele do corpo e especialmente o rosto tem aspecto sujo.
B) Depressão 
– 9 a 30CH – Com astenia, suores excessivos após mínimo esforço, agrava em jejum, perda de peso, desânimo, pessimismo, lentidão das funções vitais, baixa reação vital, atonia digestória, fraqueza, lentidão da bexiga, lentidão do intestino reto, dor de cabeça, dificuldade de pensar, sentimento de inferioridade, medo do futuro, desejo de solidão. Pode ter irritabilidade e agitação antes e durante chuvas fortes.
C) Mucosas 
– 7 a 9CH – Tendência crônica a exonerações, com frialdade, astenia e depressão. Coriza (crostas, exonerações amarelas densas). Otorreia com cheiro repugnante. Uretra inflamada crônica e rebelde. Leucorreia com odor desagradável. Diarreia crônica, pálpebras vermelhas se aderem, lacrimejamento. Inflamação da faringe (crônica), abcessos nas amídalas, irritação. Traqueia e brônquios com inflamação crônica, com tosse.
D) Dor de Cabeça 
– 7 a 9CH – Com lentidão das funções vitais, astenia, frialdade crônica ao redor de toda a cabeça, a dor se inicia com distúrbios da visão (geralmente com a ilusão de moscas voando), agravando no frio e se houver atraso das refeições. Geralmente na véspera da crise sente-se muito bem e geralmente alterna exonerações: diarreia x pele com transtornos.
E) Distúrbios Diversos Alternância asma e eczema. Amidalite de repetição (com dor ao engolir) e dor no ouvido. Afecções que se repetem: coriza, oftalmia, gripe, tosse. Pus no ouvido. Supuração ganglionar. Quando a pessoa fica muito fraca após afecções agudas. Rinite alérgica sasonal. Sensibilidade ao frio, corpo com odor desagradável (sem motivo) mesmo após o banho, fome frequente (fome noturna). Bronquite, tuberculose, erupções no couro cabeludo e na pele, em torno da orelha e das unhas. Expectoração pulmonar purulenta. Adoecimentos causados por supressões de erupções. Inibições mentais. Pensamentos de inferioridade e de que não tem cura. Coceira no ouvido. Erupções com pruridos que pioram com o calor. Arrotos com odor fétido. Tosse que retorna no inverno.

Quadros Animais:
Pele gordurosa. Coceira no calor. Eczemas. Diarreia branca do bezerro. 30D, 12CH, 30CH, 60CH.

Atenção:
Alternância crônica de asma com eczema. Amidalite. Oftalmia crônica com recaídas frequentes. A ação de 200CH demora 7 a 9 dias e gera sintomas que permanecem muitos dias.

Homeopatias Complementares:
Sulphur, Tuberculinum.

Homeopatias Sucessoras:
Alumina, Borax, Baryta carbonica, Carbo vegetabilis, China, Sulphur.

Incompatível:
Sepia.

Antídoto:
Coffea.

Duração:
30 a 40 dias.

Dinamizações:
7 a 30CH, 200C, 1000C, 10.000C.

Outra Denominação:
Psorinum hahnemanni.

Proximidades:
Calcarea carbonica, Natrum arsenicosum.

Psorinum

Autor: Sr Phatak 

Obra:  Matéria Médica Concisa

Generalidades:
Dr. Hahnemann preparou este nosódio de matéria seropurulenta de vesículas de sarna. O campo de atuação terapêutica encontra-se nas chamadas manifestações psóricas, quando há ausência de reação nas doenças crônicas; quando remédios bem relacionados falham em aliviar ou melhorar permanentemente; também quando o enxofre parece indicado, mas não alivia. Esclarece casos confusos. Afeta principalmente a pele; dobras; glândulas sebáceas; ouvidos; entranhas; respiração e lado direito. Adapta-se a pessoas sujas, com o corpo malcheiroso mesmo após o banho; crianças pálidas, enfermiças, delicadas, de aparência doentia; que têm um cheiro desagradável ao seu redor; nervoso; pessoas inquietas que se assustam facilmente. Prostração. Sente-se enjoado. Reincidências. falta; descargas; odor do corpo, fezes, erupções, suor, suor teimoso nos pés. Secreções grossas. Fraco, macio e fino. Facilmente pega frio; refrigerado. A roupa parece grande ou ele se sente empurrado para baixo ao caminhar ao sol. Com fome ou extremamente bem antes de um ataque. Quer lavar as peças. Fraqueza; remanescente após doenças agudas ou independente de quaisquer doenças orgânicas; após a perda de fluidos. Sente-se bem e mal alternadamente. Efeitos nocivos de doenças infecciosas que duram anos; emoções; levantamento excessivo; lesões, golpes, entorses, luxações. Frouxidão; das articulações, dos dentes, etc. As erupções desaparecem no verão, aparecem no inverno. Usa roupas quentes mesmo no verão. Lava as mãos e os pés constantemente. Bebês doentes não dormem dia e noite, mas se preocupam, se preocupam e choram; ou bom e jogar o dia todo, gritos incômodos a noite toda. Dificuldade em respirar quando está parado ao ar livre, quer ir para casa e deitar.

Piora:
Frio. Ar livre; lavando. Tempo, mudando; tormentoso. Aquecer; de cama; de lã, de esforço. Supressões. Contato de seus próprios membros. Periodicamente; anual. Lua cheia.

Melhora:
Deitado com a cabeça baixa ou silenciosamente. Comendo. Lavando. Sangramento nasal. Pressão forte. Transpiração intensa.

Mente:
Ansiedade. Pressentimento. Desespero de recuperação; grande desânimo; sem esperança. Feliz. Melancolia, religiosa; sombrio. Pensamentos horríveis; tendência suicida. Sente-se pobre; seu negócio vai ser um fracasso; embora seja próspero. Medo de fogo; de estar sozinho, de enlouquecer etc. Aversão ao trabalho. Crianças muito inquietas, dia e noite. Rabugento, irritável, barulhento; facilmente assustado. Doenças graves até mesmo de emoções leves. Mente obtusa e nublada. Pensamento difícil. Sente-se inquieto por dias antes de uma tempestade.

Cabeça:
Dores, como de um golpe forte, com menstruação suprimida; segue distúrbios visuais; alterna, com outras queixas, melhor sangramento nasal. A cabeça parece separada do corpo. Sensível a correntes de ar sobre a cabeça; quer coberto, em tempo quente. Espasmos nas têmporas. Cabelos opacos, secos e emaranhados. Erupções úmidas no couro cabeludo. Enxaqueca. Manchas de pele branca, com mechas brancas de cabelo.

Olhos:
Gomoso. Pálpebras evertidas. Sensação como se algo estivesse se movendo ou alguém estivesse brincando com os dedos diante dos olhos. Oftalmia crônica recorrente. Os objetos tremem e depois escurecem. Escuridão diante dos olhos.

Ouvidos:
Cru, vermelho, escorrendo; crostas ao redor das orelhas. Feridas úmidas; atrás das orelhas. Otorréia pútrida. Cera vermelha. Coceira intolerável. Otorréia, com dor de cabeça; com diarreia aquosa ofensiva. Ruídos ilusórios; como se ele ouvisse com ouvidos que não eram os seus.

Nariz:
Rinite alérgica. Pequenas espinhas vermelhas. Resfriados recorrentes.

Face:
Pálido, doentio, sujo, felpudo ou inchado. Pequenas espinhas vermelhas. Acne rosácea. Inchaço do lábio superior. Para baixo.

Boca:
Os dentes parecem soltos, então a dor piora ao toque. A ponta da língua parece escaldada. Gosto imundo. Gengivas; sangrar, esponjoso, afastado dos dentes. Piorreia. Obstinado, rachaduras nos cantos dos lábios. Gosto amargo melhor comendo ou bebendo.

Garganta:
Pigarro fora massas de queijo sujas. Quinsias recorrentes. A partir de um plug na garganta impedindo a expectoração.

Estômago:
Perda de apetite; após a doença; com muita sede. Com muita fome, sempre; durante as dores de cabeça, deve comer alguma coisa; no meio da noite. Eructações; azedo, rançoso, com gosto e cheiro de ovos podres. O apetite voraz ainda diminui. Desejos; cerveja, ácidos. Aversão à carne de porco. Vômito da gravidez quando não aliviado por outras drogas. Waterbrash quando deitado.

Abdome:
Flatulento, com distúrbios do fígado. Cólica melhor comendo e passando flatos fétidos. Flatus como ovos estragados. Dor no fígado pior espirros. Bancos; Marrom escuro; horrível pútrida; jogando; de odor penetrante; passando por toda a casa. Cólera infantil. Constipação de bebês. Fezes moles, mas difíceis. Fezes involuntárias, durante o sono. Hemorragias retais em mulheres idosas. Ele tem que ir várias vezes para passar fezes normais. Diarréia crônica; madrugada, urgente. Queimação no reto.

Urinário:
Fazer xixi na cama, pior lua cheia; obstinado. Tem que urinar várias vezes; de fraqueza da bexiga.

Macho:
Genitais ofensivos. Aperto nos testículos, gonorreia crônica; secreção indolor da uretra com coloração amarela. Aversão ao coito. Querer; de gozo; de emissão durante o coito.

Fêmea:
Leucorréia; jorrando, irregular, fétido; com dor violenta no sacro e debilidade. Dismenorreia; perto do clímax. Menstruação; precoce e abundante. Vômitos obstinados durante a gravidez. O feto se move com muita violência. Quando, após um aborto, a mulher se levanta, o fluxo recomeça. Seios inchados; mamilos vermelhos. Espinhas queimando e coçando ao redor dos mamilos. Erupções nas mamas causando escoriações.

Respiratório:
Dispneia pior sentado melhor deitado e mantendo os braços abertos. Sensação de ulceração sob o esterno. A tosse retorna a cada inverno. A febre do feno retorna regularmente todos os anos. Expectoração sanguinolenta; com sensação de calor no peito. Tosse pior deitado, bebendo. Dor no peito se estende ao ombro pior bebidas frias.

Coração:
Borbulhando no coração pior deitado. Sopros cardíacos, regurgitação mitral. Pericardite. Pulso, fraco, irregular.

Voltar:
Dor lombar pior em pé ou andando.

Extremidades:
As articulações parecem frouxas, como se não pudessem se manter unidas. Erupções ao redor das unhas. Solas de coceira quente. Suor fétido nos pés. Erupções em torno das articulações dificultam a caminhada.

Pele:
Sujo; duro; escamoso, gorduroso; irrompe em dobras. Coceira intolerável pior calor da cama; ele coça cru ou até sangrar. Urticária pior esforço. Excrescências desaparecem no verão, apenas para ocorrer novamente no inverno. Piolhos do corpo constantemente recorrentes. Condilomas nas bordas da pele. Glândulas aumentadas. Pele oleosa.

Dormir:
Sonhos vívidos, continuam depois de acordar.

Febre:
Calor, com suor fumegante. Suor; fácil, profusa pior noite; frio, nas palmas das mãos.

Relacionado:
Gráfico; Mang; Fos; Sulph.

Complementar:
Sulfo; Tuberculina.

Psorinum

(Diluição da substância sero-purulenta contida na vesícula da sarna)

Autor: Sr Nilo Cairo

Obra:  Guia de Medicina Homeopática

Sinonímia:
Psorinum Hahnemanni. Primeiro nosódio a figurar na Matéria Médica. Remédio a ser empregado no curso do tratamento de uma moléstia qualquer, especialmente crônica, quando os remédios mais bem escolhidos não conseguem melhorá-la. Alternâncias mórbidas, asma e eczema. Um remédio da amigdalite aguda, sobretudo de repetição; deglutição dolorosa com dor nos ouvidos. Evita as moléstias de repetição; oftalmias, amigda-lites e corizas. Grande debilidade e falta de reação, depois de moléstias agudas, independente de qualquer lesão orgânica. Excelente remédio na convalescença da gripe. Muito sensivel ao frio ou mudança de tempo. O corpo tem mau cheiro, mesmo depois de lavado, cadavérico. Tosse com fraqueza nopenor atrás do esterno. Bronquites; tuberculose. Febre do feno. Erupções da pele, úmidas e pruriginosas, no couro cabeludo, em torno ou dentro da orelha, em torno das unhas, nas faces. Consequências de erupções suprimidas. Pele suja e escura. Úlceras indolentes e tórpidas. “Psorinum dominaria mais casos de prurigo do que qualquer outro remédio (DR. ROMERO). Depressão moral com complexo de inferioridade. Está convicto de que não tem cura. ‘Inibição psíquica. Erupção pruriginosa que se agrava com o calor da cama. Coceira intolerável do ouvido. Otorréia crônica e fétida. Ai rotos com cheiro de ovos podres. Prisão de ventre das crianças pálidas, doentias e escrofulosas. Paludismo (1). (1) Diz o Dr. Attomyr que os pac entes tratados com Psorinum tornam-se refratários à maleita.

Complementares:
Sulph. e Tuberc.

Remédios que lhe seguem bem:
Alum., Bórax, Baryt. carb., Carb. veg., China e Sulphur.

Inimigos:
Sepia.

Antídotos:
Coffea.

Duração:
30 a 40 dias.

Dose:
200.ª, 500.ª 1.000.a e 10.000.a.
Não tome café. Não convém ser repetido com frequência e, no minimo, um intervalo de 9 dias, nas altas dinam.

logo-naturoergos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar Artigos
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Buscar por Autor

Veja mais Artigos