Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Início » Elaps corallinus

Elaps corallinus

Casali

Elaps corallinus

Autores: V. W.D.Casali, F. M.C.Andrade, E. S.M.Duarte

Livro:  Acologia de Altas Diluições

A preparação básica é feita com o veneno obtido ao comprimir as glândulas da cobra coral.

Palavras chave:
Hemorragia, secreção preta, descargas pretas, ouvido. Envenenamento em animais.

Patogenesia
Sinais Funcionais:
Hemorragia de sangue preto. Congestão cerebral, pulmonar ou uterina. Inflamação na faringe, vias nasais, prostração, espasmos do esôfago.

Sinais de Exaltação
Sensações: 
Frio interno (principalmente no estômago), tremores no cérebro, calor na cabeça, congestão no cérebro, nariz entupido, péssimo cheiro, ouvir sons (e alguém falando), esponja no esôfago, alimento descer girando até o estômago, articulações estarem distendidas, fisgada sob a unha, frio no peito após beber água, véu nos olhos.

Sinais Mentais:
Depressão mental, não entende o que foi falado.

Sinais Subconscientes:
Medos: chuva, solidão, apoplexia.

Sinais Gerais:
Aversão à luz. As letras embolam ao tentar ler, vê pontos vermelhos, dificuldade auditiva, cerume preto, surdez noturna, estalos no ouvido, muco nasal verde e amarelo, dificuldade de deglutir, desmaios por ficar inclinado, opressão no peito nas subidas, pele desprendendo (mão/pé), perdas de sangue preto entre menstruações, sonho com pessoas falecidas, pés frios/gelados, zumbidos no ouvido.

Sinais Físicos:
Náusea/vômito, dor de cabeça intensa (da fronte ao occipício), dor de cabeça que muda de olho, dor de ouvido, vertigem com queda afrente, queimação na pálpebra, cerume muito duro/esverdeado, coceira no ouvido (intolerável), catarro no nariz com cheiro desagradável, crostas esverdeadas nas narinas, erupções no nariz, dores ao deglutir (ouvido e narinas), epistaxe, garganta com muco formando crosta fétida, fisgadas no pulmão no lado direito (e tosse), prurido vulvar/vaginal, pele com prurido e erupção, axilas com prurido e distúrbios (gânglios e pele).

Generalidades
Agrava: 
Com bebida fria, com frutas, com aumento da umidade do ar, ao caminhar, ao deitar de bruços.

Melhora: 
À noite (excitação), com companhia.

Indicações
Quadros Comuns:
A)Distúrbios Nas Narinas E Faringe (5 ou 6 CH) – Catarro crônico (agravando com o frio úmido e corrente de ar) com:
a) Crostas esverdeadas nas narinas.
b) Mucosa enrugada.
c) Epistaxe (hemorragia) de sangue escuro com coágulos e filamentos pretos, sensação de fetidez.
B) Distúrbios das Vias Respiratórias (5 ou 6CH) – Dores latejantes, tosse seca dolorida que atinge tórax (até o coração) com ou sem expectoração, fraqueza, suores frios. Os sintomas agravam com o frio. Os distúrbios comumente são acompanhados dos sintomas: gosto de sangue na boca, tendência a hemoptise de sangue escuro, palpitações no coração, espasmo no esôfago, e de sensações (frio no estômago, calor na cabeça, congestão da cabeça).
C) Distúrbios Gerais (5 a 9CH) – Prostração com congestão cerebral, frialdade tendência à síncope, cefaleia occipital, epistaxe, palpitações, suor frio, vertigem, tendência a paralisia.
1 – Otorreia (inflamação do ouvido), com surdez, zumbido.
2 – Gânglio axilar inflamado.
3 – Espasmo do esôfago.
4 – Menstruação adiantada volumosa e congestão uterina.

Quadros Diversos:
Males do ouvido. Otorreia crônica complicada com catarro. Fotofobia. Medo de chuva. Cefaleia forte iniciando pela esquerda, passa pelo olho esquerdo e atinge a testa. Sensação de frio no tórax após tomar bebidas. Desejo forte de silêncio.

Quadros Animais:
Sintomas que sinalizam envenenamento pós picadas.

Atenção:
Medo de chuva. Sonho com pessoas falecidas. Agravamentos e distúrbios por bebida e alimentos gelados. Surdez nervosa. Medo de ficar sozinha e de derrame. Gosto de sangue na boca. Constituições tipo reumáticas. Crianças que respiram pela boca.

Dinamizações:
5CH a 30CH, 60CH, 100CH, 200CH.

Outras Denominações:
Elaps venustissimus, Vipera corallina.

Proximidades:
Eucalyptus, Crotalus, Alumina, Arsenicum album, Lachesis, Carbo vegetabilis

Elaps corallinus

Autor: Dr. S. R. Phatak 

Obra:  Matéria Médica Concisa

Generalidades:
Como todos os outros venenos de cobra; o veneno da cobra coral desorganiza o sangue, produzindo descargas negras esp. hemorragias. Sensação de frio interno no peito, estômago pior após bebidas frias. Sepse adinâmica. Espasmos, depois paralisia. Movimentos oscilatórios. O lado direito parece fraco, insensível ou paralisado. Membranas mucosas enrugadas. A partir de uma carga pesada ou peso na parte afetada. Sensação de torção.

Piora:
Aproximação de tempestades. Frio; bebidas, comida, ar. Umidade. Noite. Na sala. Tocar. Calor da cama. Frutas.

Melhora:
Descansar. Andar Melhor sangramento nasal e dor no abdome e no peito.

Mente:
Terror da chuva. Temer; sendo deixado sozinho; provoca o bater dos dentes e tremores. Estremecendo com a menor contradição, com picadas. Imagina que ouve alguém falando; teme ser deixado sozinho. Pode falar, mas não consegue entender a fala. Com raiva de si mesmo, não deseja ser falado.

Cabeça:
Vertigem cai para a frente. Peso e dor na testa. Fluxos de sangue na cabeça. Desmaia, com vômitos ou ao se curvar.

Olhos:
Anéis pretos diante dos olhos (esquerda). Grandes manchas vermelhas de fogo, diante dos olhos.

Ouvidos:
Cerúmen preto e duro. Súbita surdez noturna, com rugidos, estalos nos ouvidos. Ilusões de audição. Otorreia; ofensivo, aguado; com surdez, coceira.

Nariz:
Nasofaringe entupida. Catarro nasal crônico; com odor fétido e crostas esverdeadas. Dor do nariz aos ouvidos, ao engolir. Ozaena. Sangramento nasal, preto como tinta; depois de um golpe.

Face:
Manchas vermelhas no rosto. Inchado. Cor amarelada fosca.

Garganta:
Contrações espasmódicas do esôfago e faringe; comida e líquidos são repentinamente parados e depois caem pesadamente no estômago. Sensação de uma esponja no esôfago. Deglutição dolorosa e difícil para sólidos e líquidos. Paralisia do esôfago.

Estômago:
Bebidas e frutas parecem gelo no estômago e causam frio no peito. Desejo de leitelho adoçado. Sensação como se a comida girasse como um saca-rolhas ao engolir. Sede.

Abdome:
Os intestinos parecem torcidos juntos em um nó. Fezes de sangue preto e espumoso.

Urinário:
Urina vermelha. Descarga de muco da uretra.

Fêmea:
Dismenorreia com sangue negro. Sensação como se algo estourasse no útero, então fluxo contínuo de sangue de cor escura, Melhor ao urinar. Descarga de sangue negro entre as menstruações.

Respiratório:
Fome de ar. Frio no peito depois de beber. Pontos no ápice do pulmão direito. Tosse com dor terrível nos pulmões. Os pulmões parecem separados à força. Hemoptise; preto, como tinta e aguado.

Extremidades:
Braços fracos. Braços e mãos inchados e azulados. As articulações do joelho parecem torcidas. Picar sob as unhas. Descamação das palmas e pontas dos dedos. Pés
gelados.

Dormir:
Sonhos de negócios; de pessoas mortas. Morde a mão, durante o sono.

Febre:
Transpiração fria por toda parte. Pele quente, seca.

Relacionado:
Crot-h, Olá.

Elaps corallinus

Autor: Rajan Sankaran

Obra: Texto baseado no livro The Soul of remedies de Rajan Sankaran. O Texto está diferente do original mas as idéias foram mantidas

Elaps é a cobra coral. Tem características comuns ao grupo de remédios “cobra”, como loquacidade, ciúme, egoísmo, engano, temperamento venenoso, etc.
Costumo identificar o Elaps por seus desejos/concomitantes físicos muito fortes, por exemplo o desejo por bananas (observação minha), laranjas, saladas, leite com manteiga açucarado (na Índia, uma bebida à base de iogurte chamada “Lassi”), gelo, doce, leite azedo. Seus outros sintomas, que confirmei repetidamente, são a dor em queimação no esôfago e no estômago, comumente descrita pelo paciente como “acidez” que melhora com bebidas frias – a bebida fria pode ser sentida descendo do esôfago até o estômago, onde parece um pouco frio. Além disso, a dor melhora ao deitar de bruços. Essa sensação de frio descendo pelo esôfago e se instalando no estômago é exclusiva do Elaps. Um dos sonhos vistos repetidamente em Elaps é o sonho de cair, às vezes descrito como cair em um abismo ou poço.
Minhas prescrições foram inicialmente baseadas nesses sintomas físicos, mas da experiência clínica tirei alguma ideia do estado mental de Elaps, que é o seguinte: descubro que os pacientes têm medo de cair, perder sua posição, sua imagem em sociedade. Gostam de manter uma imagem muito boa e valorizam a boa opinião dos outros. É preciso diferenciar este remédio do Palladium ou, às vezes, da Platinum. Sua conversa é bastante animada e egoísta. Eles são loquazes e tendem a rebaixar os outros, mas não de forma egoísta. Frequentemente vêm de famílias respeitadas e são multitalentos nas áreas de liderança, aparência, culinária, etc. Em uma paciente, observei um tremendo medo sobre o bem-estar de seu marido e filha, especialmente se eles demorassem um pouco para voltar para casa. O medo de lugares altos é muito forte. Neste caso particular, os receios surgiram principalmente quando a filha tinha ido escalar rochas e o marido viajava de avião.
Para concluir, as características mais importantes de Elaps são o medo de cair de um lugar alto e a ansiedade de defender sua imagem, o medo de que sua imagem permaneça e não desmorone.

Rubricas:
· Estômago, frio, tipo gelo, após bebidas geladas.
· Peito, frio, interno, como se água gelada subisse e descesse por um tubo cilíndrico.
· Estômago, dor, deitado no abdômen melhora.
· Companhia, desejo de, acontecer, como se algo horrível pudesse acontecer.
· Medo, aconteça, algo acontecerá.
· Sonhos de cair em um buraco.
· Aversão, bananas.
· Deseja gelo.
· Deseja laranjas.
· Bebidas, frias, como se.

Elaps corallinus

(Veneno da cobra coral

Autor: Sr Nilo Cairo

Obra:  Guia de Medicina Homeopática

Sinonímia:
Elaps venustissimus e Vipera corallina. Pertence às Elapidae. Um remédio do ouvido. Hemiplegia direita. “Elaps é um valioso remédio na otorréia crônica das crianças, complicada com catarro naso-faringeano fundo da garganta é ulcerado ou coberto de crostas secas, o nariz é entupido, de modo que, à noite, a criança respiro pela boca, e o corrimento do ouvido é esverdeado e irritante.” (DR. HOUGHTON). Esofagismo. Fotofobia. Dor de cabeça violenta que começa à esquerda, depois passa sobre o olho esquerdo e em seguida se estende da fronte ao occipital. Medo de chuva. Um quase específico, do catarro naso-faringiano crônico, com crostas verdes e mau cheiro. (DR. MOFFAT). Ozena. Sonhos com pessoas já falecidas. Surdez nervosa com cefaléia crônica, sobretudo à direita. (DR. GOULLOX) . Gosto de sangue na boca antes de tossir. Sensação de frio no peito, após beber. Tosse dos tísicos, com escarros de sangue escuro e dores no pulmão direito. (DR. HITCHMAN).

Dose:
5.ª à 30.ª, 60.ª, 100.ª e 200.ª.

logo-naturoergos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar Artigos
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Buscar por Autor

Veja mais Artigos