Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Início » Natrum carbonicum

Natrum carbonicum

Casali

Natrum carbonicum

Autores: V. W.D.Casali, F. M.C.Andrade, E. S.M.Duarte

Livro:  Acologia de Altas Diluições

A preparação básica é feita com o sal “carbonato de sódio”.

Palavra chave:
Insolação, fraqueza, dispepsia, rejeição, depressão mental. Aversões em animais.

Tropismo Homeopático:
Sistema nervoso vegetativo, mucosa das vias respiratórias e gastrintestinais.

Patogenesia
Sinais Funcionais:
Distúrbios de nutrição, músculos fracos, anemia. Os tecidos de sustentação do estômago se tornam fracos. Articulações enfraquecidas. Muco com pus nas mucosas: do nariz, faringe, brônquios, útero.

Pele: 
Erupções secas, vesículas, ulcerações.

Depressão mental: 
Esgotamento físico, tristeza/astenia, hipersensibilidade (ao barulho principalmente).

Sinais de Exaltação
Sensações: 
Útero pesado, tendões encurtados, proximidadeconstante da menstruação, estômago vazio, cabeça avolumada, estômago inchado, abandonado, solitário, espaço pequeno mesmo ao ar livre, estar cimentado, ser gigante, fazer o errado, tudo está errado, tudo é estranho (ao despertar), ruídos no coração, palpitações violentas, cabeça aumentada, ouvido fechado, esvaziar a panturilha e o abdome, pressão nos órgãos genitais, não pode triunfar, tudo faz mal. Ilusões de: figuras caminhando ao ar livre (ao anoitecer), campânula de vidro rodeando.

Sinal Existencial:
Disposição suicida.

Sinais Mentais:
Dificuldade mental de compreensão, concentração ou assimilação. Dificuldade ao conceber e combinar as ideias. Intolerância ao trabalho mental. Não diferencia o sonho da realidade. Pode perder memória pelo esforço mental. Pensa apreensivamente no futuro e em suicídio. Pensa que perdeu a vontade. Pensa que a opção única é brigar.

Sinais Comportamentais:
Desejo de paz imperioso (foge de tudo que possa privar dessa paz). Busca os locais frescos ou com sombra. Aversão aos negócios, cobiça, paixão pelos jogos de dinheiro. Aversão a membros da família. Loquaz até ficar exausto. Atitude filosófica sobre a vida. Aversão a certas pessoas. Aversão à humanidade e à sociedade. Colérico quando o contradizem. Impetuosidade. Aceita resignado o destino/os fracassos/os sofrimentos. Comporta-se como: invejoso, desconfiado descontente com tudo, caluniador, rancoroso, áspero, ansioso, sem autoconfiança, ditatorial, preocupado, apreensivo, inconstante, aborrecido, inquieto, depressivo, brigão, sem autoconfiança, suave e doce (amável) mas não afetuoso. Sofre por não poder mostrar o seu afeto.

Sinais Emocionais:
Comunicativo, mas fechado sobre suas emoções. Choro contínuo quando o consolam. Tristeza pela música e por erros de dieta. Tristeza que piora durante a digestão. Opressão no peito ao ouvir música.

Sinais Subconscientes:
Medos de: Homens, gente (multidão), doença, desgraça, morte.

Sinais Gerais:
Sensibilidade a barulho, angústia (ao subir escada, ao deitar sobre o lado esquerdo). Dificuldade de se comunicar. Sonhos: instrumentos cortantes e cortes, cortaram as orelhas, apunhala o inimigo com faca, ser apunhalado, continuam logo após despertar-se. Ansiedade ao anoitecer. Piora no verão (o sol causa dor de cabeça). Ansiedade após comer. Dificuldade ao falar e gaguejando ocasionalmente. Sono tardio. Fezes duras. 

Sinais Físicos: 
Anemia. Nariz vermelho. Lábio inchado. Palma do pé dolorida.Tonteiras. Pele seca. Distensão do abdome e flatulência. Dor de cabeça. Formação de coágulos. Coriza, obstrução nasal. Eczema, herpes. Emagrecimento, com o rosto pálido e pálpebra inchada. Anéis azulados em volta dos olhos, pupilas dilatadas, urina escura e grande debilidade. Entorse do tornozelo e deslocamento fácil das articulações. Herpes.
Úlceras, gastrite. Nariz com muco denso amarelo, esverdeado, de mau odor. Distúrbios da pele do nariz. Corrimento vaginal. Hipertrofia da próstata. Amenorreia, menstruação atrasada. Suor ardente. Tosse seca ao entrar em ambiente quente. Alergias alimentares. Amargor na boca após comer. Má assimilação. Dificuldade na deglutição. Perda do gosto e do olfato. Indigestão por certas comidas.

Generalidades
Agrava: 
No clima úmido, com sol quente, com calor.

Melhora:
Ao comer.

Perfil (Criança):
São crianças sensíveis a barulho/a música/a chuvas fortes. São pessoas que sofrem em silêncio. Elas tentam aparentar que estão bem, mas no fundo estão tristonhas/deprimidas ou por solidariedade (que tem muito) ou por honra (são muito honradas/dignas). Tem atitudes sinceras de altruísmo e de dedicação aos próximos que são muito queridas. O sistema digestório é frágil. Por não tolerar leite, ao tomarem, por cumplicidade/por obediência, desequilibram o organismo. Uma das respostas da fragilidade é os tornozelos frequentemente estarem enfermos/fracos. Tem profunda insegurança/receio/preocupação quanto ao abandono/rejeição, daí, mantém barreiras vivendo na sua campânula de vidro de onde acompanham a realidade hostil, crítica, perigosa, por medo de fracasso. Aprendem pouco na escola. Tem fantasias de “cria adotada” aceitando consolo. Respondem à fantasia ou ao subconsciente com narizinho entupido, vômitos, digestão fraca, defecações repentinas, aversão ao leite materno.

Indicações
Quadros Comuns:
A) Depressão Mental (9 a 30CH) – Fraqueza física com frialdade acompanhada de depressão mental, tristeza, memória fraca, apatia, tendência a tremer, hipersensibilidade. Emotividade.
B)Astenia – Fadiga, fraqueza geral, frialdade, sensibilidade a correntes de ar, intolerância ao calor/sol (com dores de cabeça), hipersensibilidade, pés frios. Anemia, atonia do estômago/intestino, secura da pele (mas transpira facilmente), menstruação atrasada, dor de cabeça.
C) Brônquios e Nariz (5 a 9CH) – Tosse seca em ambiente quente. Muco amarelo-esverdeado denso. Catarro nasal. Sensibilidade a corrente de ar, resfriado frequente.
D)Articulações e Pés (4 ou 5CH) – Fraqueza, principalmente nos tornozelos (tendência a torcer). Ulceração no calcanhar ou nas laterais do pé, sensibilidade/dor na sola dos pés, ulceração na extremidade dos dedos ou nas respectivas articulações.

Quadros Diversos:
Esterilidade constitucional que ocorre nas mulheres, devido ao relaxamento dos músculos da vagina. Fraquezas causadas pelo calor e esforços. Efeitos crônicos provocados pela insolação. Nervosismo e excitação por chuvas fortes. Dores de cabeça causadas por luz, sol. Sequelas devidas a bebidas geladas durante o calor. Digestão lenta. Fragilidade das articulações e da pele dos pés. Aversão ao leite, com diarreias. Esterilidade provocada pela expulsão do esperma. Excesso de muco vaginal. Cistite crônica. Ictiose.

Quadros Animais:
Animais (raça) que não toleram calor. Bezerros que vomitam o leite. Animais com aversão a algumas pessoas, e que têm articulação fraca. Patas esfoladas. 4D, 3CH, 30D, 12CH.

Quadros Vegetais:
Plantas que são muito afetadas pelo sol (pela irradiância), pelo calor tal como ocorre com as plantas de clima temperado prejudicadas pelas condições tropicais. Variedades ou cultivares de inverno que na meia estação (outono/primavera) são expostas aos fatores ambientais pouco adequados. Plantas com metabolismo bastante ativo que imediatamente são abaladas pelo calor e pela insolação. Os ramos podem pender, torcer, rachar (por fraqueza) em curto período de tempo. Plantas que são cultivadas em condições de sombreamento, mas que, por falhas das plantas mais altas, são expostas ao sol temporiamente. Plantas que pela manhã (bem cedo) estão normais, túrgidas e tão logo são expostas a insolação transpiram rapidamente demonstrando sintoma de murchamento. Plantas que por intolerancia a irradiância tropical tornam-se estéreis. Plantas que dependem muito da transpiração intensa visando absorverem água/nutrientes (exemplo: Cucurbitaceas)

Atenção:
Ilusão de corpo volumoso, nervosismo que provoca dor de cabeça/dermatoses. Antipsórico. Abandônicos.

Homeopatias sucessoras recomendadas:
Calcarea carbonica, Nux vomica, Nitricum acidum, Pulsatilla, Sepia, Sulphur, Selenium.

Antídotos:
Camphora, Arsenicum album.

Duração:
30 dias.

Outras denominações:
Carbonas natricus. Sodae carbonas.

Proximidades:
Natrum sulphuricum, Causticum.

Natrum carbonicum

Autor: Dr. S. R. Phatak 

Obra:  Matéria Médica Concisa

Generalidades:
O carbonato de sódio afeta a digestão e os nervos. O paciente é hipersensível ao ar livre; à música, ao barulho, aos erros dietéticos. Grande debilidade; de qualquer esforço; do calor do verão. Inchaço. Relaxamento; deslocamento fácil. As dores causam tremores, suores frios, ansiedade etc. Espasmos nos músculos e membros. Contração dos músculos, tendões. Emagrecimento. Anemia. Efeitos nocivos da insolação (crônica); superestudo; Deformação. Crianças que não toleram leite, mas se desenvolvem melhor com cereais. Crianças quando dormem, pulam, choram, agarram a mãe, crianças assustadas, nervosas. Inchaço e endurecimento das glândulas.

Piora:
Calor do sol; tempo (corpo). 5h Música. Esforço mental ou corporal. Onanismo. Leite. Erros dietéticos. Rascunhos. Tempestades. Dias alternados. Lua cheia.
Dieta vegetal; comida amilácea. Bebidas frias quando superaquecidas.

Melhora:
Comendo. Fricção. Movimento. Pressão. Limpando com a mão. Perfurar o nariz ou as orelhas com os dedos. Suando.

Mente:
Cruz e irritável. Aversão à sociedade; mesmo a de sua própria família; marido dela. Sombrio. Vivaz; falante. Tempestades piores ansiosas e temerosas; não por timidez, mas por mudanças elétricas na atmosfera. Tocar piano causa ansiedade e tremores. Sensível à presença de certas pessoas. Compreensão lenta difícil. A música causa tendência ao suicídio; tristeza; loucura religiosa. Ocupado com pensamentos tristes. Indiferente.

Cabeça:
Vertigem do vinho; esforço mental; da exposição ao sol. Dor de cabeça; em tempo quente; menor esforço mental; trabalhando sob luz de gás. A cabeça dói através dos olhos; cabeça inclinada para trás. Parece muito grande. Queda de cabelo.

Olhos:
Flashes deslumbrantes ou estrelas antes da visão; ao despertar. Olhos escuros, tem que limpá-los constantemente. Não é possível ler letras pequenas.

Ouvidos:
Surdez; com dor de ouvido recorrente; com amenorreia. Como se uma bolha estourasse. Como se algo se movesse no ouvido ao engolir.

Nariz:
Inchado ou descamando. Nariz vermelho com espinhas brancas. Catarro, secreção fétida, espessa, amarela ou verde. Coriza pior menos rascunho, dias alternados. Parada à noite. Espirros violentos. Pós descarga nasal.

Face:
Pálido, murcho, inchado. Sardas; manchas amarelas; espinhas. Lábios inchados.

Boca:
Seco. Gosto amargo na boca; comida tem gosto amargo. Vesículas e úlceras lisas na boca com queimação; boca aberta. Dor de dente pior doces e frutas. Gosto pervertido; muito sensível. Afecções da superfície inferior da língua. Língua pesada, difícil de manejar, o paciente tem dificuldade para falar.

Garganta:
Pigarro muito muco da garganta. Deve beber para engolir sólidos, de aspereza, secura do esôfago e da garganta. Garganta dolorida ao bocejar e engolir.

Estômago:
Digestão fraca, agravada por pequenos erros na dieta. Acidez. Aversão ao leite; que causa diarreia. Dispepsia ácida com arrotos e reumatismo, melhor por biscoitos refrigerantes. Ambicioso; sempre mordiscando. Dores gástricas melhor comer. Com fome 5 da manhã Sempre arrotando. Efeitos nocivos de beber água fria quando superaquecido. Mal-estar. Azia após gorduras.

Abdome:
Flatus muda de lugar, abdômen faz beicinho aqui e ali. Epigástrio doloroso ao toque e ao falar. Diarréia de amidos, leite. Fezes; como polpa de laranja; em mulheres na mudança de vida. Chamada repentina para defecar, sem resultado ou evacuações com pressa e ruído. Fezes; preto, duro, liso, esfarelado. Cólica com retração do umbigo e endurecimento da pele.

Urina:
Urina de cor amarela brilhante ou escura. A urina cheira a urina de cavalo, proveniente de dieta vegetal ou láctea. Queimação na uretra durante e após a micção.

Macho:
Aumento do desejo sexual com priapismo e poluições dolorosas. Coito incompleto. A glande do pênis fica facilmente dolorida. Emissões noturnas. Suores após o coito. Descarga de líquido prostático, nas fezes e ao urinar; afecções da próstata.

Fêmea:
Endurecimento do colo do útero. Esterilidade por não retenção de sêmen. Descarga leucorreica; irritante ofensivo, espesso, amarelo, pegajoso, precedido de cólica. A menstruação é escassa, como carne lavada. Movimento do feto no útero. Promove a concepção.

Respiratório:
Tosse; seco, fazendo cócegas pior ao entrar em uma sala quente; às 9h11 da manhã Loose hollow; com escarro esverdeado purulento salgado. Tosse, com frio no lado esquerdo da mama.

Coração:
Palpitação; de barulho, barulho de papel, etc.; ao subir as escadas; quando a atenção é direcionada para algo; quando deitado no lado esquerdo.

Pescoço e costas:
Barulho nas vértebras cervicais, ao mover o pescoço. Perfuração na ponta da escápula esquerda. Frio entre as escápulas. Bócio; duro, com dor premente. Formigamento nas costas.

Natrum carbonicum

Autor: Rajan Sankaran

Obra: Texto baseado no livro The Soul of remedies de Rajan Sankaran. O Texto está diferente do original mas as idéias foram mantidas.

Informações gerais: Natrum carbonicum é um sal. No elemento Natrum, vê-se um desejo marcante de formar e manter um relacionamento, especialmente no nível de um para um. O tema dos Carbonatos é o medo da morte com necessidade de uma reação vital para sobreviver, como sugere a rubrica: “Partir do susto”.

 

Miasma:  pertencente ao miasma psórico. 

Tema:  O tema principal do Natrum carbonicum é de uma reação vital necessária para uma pessoa que está sozinha, ou seja, sem um relacionamento de um a um com outro ser humano. Precisa de apenas um relacionamento sendo muito dependente dele. Sozinho sente muito medo, tristeza e uma sensação de isolamento.

Mental/Emocional: A ilusão de Natrum carbonicum é “Ilusão, divisão entre ele e os outros”. É essa grande necessidade e dependência do relacionamento que os torna muito vulneráveis e capazes de machucar. Natrum, portanto, desenvolve medo das pessoas e tenta evitar o contato. Se por um lado ela tenta evitar companhia,  também teme ficar sozinha: “Companhia, avessa a, mas tem medo de ficar sozinha”. Seu sentimento de abandono e solidão dá origem aos dois sentimentos básicos de Natrum carbonicum, que são tédio e apreensão (ansiedade). O tédio produz um humor melancólico, triste, desanimado e a ansiedade é em relação ao futuro.

Natrum carbonicum é muito sensível, especialmente à separação da pessoa amada e ao rompimento de relacionamentos. Quando a pessoa amada não está ou se foi, os pacientes demonstram grande tristeza, reagindo a músicas tristes, principalmente ao piano. Eles desejam fazer contato, mas não tiveram sucesso em estabelecer relacionamentos e se culpam por isso (“Delírio, ele não consegue, faz tudo errado”). Eles se distanciam de sua família e amigos e carregam sua dor silenciosamente, sentindo-se abandonados.

 

A mulher Natrum carbonicum se sente como uma pária e está sempre recebendo abusos (ofendendo-se facilmente). Ela sente que a sociedade se uniu para persegui-la, fazendo-a sentir que é anormal e não faz parte do grupo.

 

Pessoas com Natrum carbonicum podem ter um complexo de inferioridade severo, especialmente na esfera de formação de relacionamentos. Podem se sentir indignas de amor ou de qualquer relacionamento. 

 

Em Natrum carbonicum é comum histórias de relacionamento conturbado com um dos pais, especialmente sendo abandonado ou negligenciado pelo pai ou pela mãe. Então desenvolve medo das pessoas e sensibilidade para outras. Reage a esse tipo de comportamento com briga, ansiedade e coragem. 

 

A mulher Natrum carbonicum torna-se desconfiada, violenta, indignada, menos atenta, imaginando-se doente e não vendo esperança em sua situação “sem vitória” (portanto inconsolável). Ela fica triste e chora e, em casos extremos, pode se tornar indiferente e suicida.

Nesta situação “sem vitória” há ansiedade sobre o futuro. Está confusa que piora ao insistir no problema. Há embotamento, prostração da mente, indiferença, desânimo e desespero. Nessas ocasiões, evita-se a visão até mesmo de seus amigos íntimos. No entanto, pode recorrer a um simpatizante para obter apoio, na forma de ser magnetizada (sugestões).

À medida que se sente cada vez mais isolada, sozinha, torna-se avarenta, desenvolvendo medo de ladrões. Tudo isso naturalmente a mantém em um estado de descontentamento, desconforto e tristeza.

Há também o medo que   Começa ao menor ruído; Medo de toda a humanidade; Medo de trovoadas;   Medo, constante, de tudo.

É interessante notar que Natrum carbonicum não tem medo ou delírios de animais. Só tem medo das pessoas. Natrum carbonicum tem medo da qualidade humana de formar um grupo e expulsar as pessoas, se elas não se encaixarem nas normas esperadas do grupo.

 

As pessoas de Natrum carbonicum são normalmente bastante independentes e autossuficientes, vivendo suas vidas sozinhas, embora tenham bom contato com outras pessoas. Eles são sociáveis e podem ser loquazes e vivazes. São pessoas organizadas, sinceras, honestas, diretas, não manipuladoras, com princípios sólidos. Eles podem ser resolutos, perseverantes, controlados e corajosos. São muito receptivos à música, sensíveis e refinados. Eles são simpáticos e ajudam os outros; sensível especialmente ao sofrimento das pessoas solitárias e abandonadas pela sociedade, por exemplo com os mendigos. Eles podem lutar pelos outros. Por outro lado, podem ser bastante briguentos, belicosos.

Os sonhos de Natrum carbonicum incluem sonhos de perigo, de ladrões, de assassinato, de cadáver, de água e inundação, enquanto os sonhos agradáveis são de casar com duas mulheres, de festas e entretenimento. Os sonhos agradáveis mostram que o paciente está estabelecendo relacionamentos e tendo bom contato com a sociedade, enquanto os sonhos ansiosos mostram medo da morte e medo associado à solidão.

 

Na arte: Raga Yaman produz a sensação de Natrum carbonicum. Durante uma prova em um seminário em Bombaim, os principais temas que surgiram depois de tocar o Raga foram solidão, estar sozinho no mundo, divisão entre si e os outros, estar em um mundo próprio, uma solidão sem medos, um sentimento elevado como se estivesse olhando para uma cidade abaixo, um sentimento de alegria, contentamento e tranquilidade, ansiedade pelos outros, simpatia. Também por outro lado, tristeza como aquela que se sente na partida de entes queridos (cerimônia de casamento), o amado está indo embora e sua esposa está lhe dizendo para não ir embora, pacificando os entes queridos, como se esperasse alguém, ser negligenciado por amigos, de ver algo negro, escuridão assustadora. Um desejo de estar no seio da mãe.

 



Físico:

  • Frio, mas o calor do sol agrava.
  •   Sensação de frio tremendo – frio gelado, especialmente nas mãos e dedos.
  •             Peso das pálpebras.
  •             Dores de cabeça temporais.

 

Rubricas

  •             Aversão ao marido.
  •             Aversão a membros da família.
  •             Alegre, alegre, feliz.
  •             Companhia, aversão a, mas teme ficar sozinho contente.
  •             Delírio, divisão entre ele e os outros.
  •             Delírio, casamento, de.
  •             Afastado da família.
  •             Afastado dos amigos.
  •             Medo do infortúnio.
  •             Medo de trovoada.
  •             Sentimento de abandono.
  •             Indiferença quando em sociedade.
  •             Alegria, doenças de, excessivo.
  •             Misantropia.
  •             Tristeza, aversão à companhia, desejo de solidão.
  •             Simpático.
  •             Tranquilidade.

 

 

Natrum carbonicum

(Carbonato de sódio)

Autor: Sr Nilo Cairo

Obra:  Guia de Medicina Homeopática

Sinonímia:
Carbonas natricus e Sodae carbonas. Depressão e fraqueza cerebral. Antipsórico. Grande debilidade causada pelo calor do verão; cansaço pelo mais leve esforço mental ou físico. Efeitos crônicos da insolação. Excitação e nervosismo durante as tempestades. Dores de cabeça, devidas ao mais leve exercício mental; ao sol ou por trabalhar sob um foco de luz. Erupção vesiculosa sobre a língua. Coriza constante; nariz entupido; catarro com mau cheiro, chupado pela garganta, em abundância. Maus efeitos de beber água fria suando. Digestão muito fraca, manifestando-se pelo mais ligeiro desvio de regime. Sede intensa pelas bebidas frias, algumas horas após as refeições, com mal-estar após as ter bebido. Fome voraz às 11 horas da manhã e às 5 da tarde, com sensação de vazio na boca do estômago e aliviada pelo comer. Dispepsia atônica flatulenta. Sensação de fraqueza, retração, contrações espás-ticas e encurtamento dos tendões. Facilidade em torceduras e luxações dos tornozelos e joelhos. Colo uterino endurecido. Diarreia flatulenta, amarela como polpa de laranja. Aversão ao leite; diarreia devida ao leite. Corrimento de muco da vagina, depois do coito, expelindo o esperma e impedindo a fecundação. Esterilidade.

Ponto de Weihe:
Meio da linha que vai do apêndice xifóide ao ponto de lodium.

Remédios que lhe seguem bem:
Calc., Nux vomica, Xitri. acid., Puls., Sepia, Sulph. e Selenium.

Antídotos:
Camph.

Duração:
30 dias.

Dose:
3.ª à 30.ª 100.% 200.ª 500.* e 1.000.%

Natrum carbonicum

Autor: Jan Scholten

Obra: Homeopathy and Minerals

O Texto está modificado, diferente do original, mas com as  idéias mantidas.

 

 Natrum Carbonicum possue a ideia de que são diminuídos e desvalorizados. Possuem a sensação de estarem sozinhos (Nat) no apreço (Carb) de si mesmos. Então aferram-se a sua dignidade em silêncio. Não é mais preciso o apreço dos outros. São os últimos a apreciarem o seu valor e passam a uma total negação do seu ser. A sua reação diante disso é a retirada. Optam por carregar a sua dignidade eles mesmos e em silêncio. 

Uma outra visão nesse tema é a negação da parte da sociedade. A ideia de não ter valor se expressa, como não tendo valor para sociedade. O ambiente social não o percebe, não o leva em conta.  Nat-c se sente como O excluído que vem da ilusão da separação entre ele e os outros. Se sentem rejeitados pela sociedade e preferem não ter mais qualquer contato com ela.

Para ele é  muito dificil estar com pessoas que não o aceitam. É um dos temas principais de Nat-c. Preferem estar sozinhos com dignidade a serem rejeitados ou  desrespeitados pelos outros. Daí o termo retração graciosa presente quando o grupo é analisado.

Têm medo das pessoas e também dos ladrões, que podem levar o pouco que ficou com eles.  Descrevem “o pior que pode acontecer é ser ignorado”.  A idéia da persona nom grata, é dolorido. Como alguém, numa pequena comunidade, que é completamente ignorada por causa do que fez. Nesse caso, a única coisa à fazer é retrair-se graciosamente. Não tem sentido se defender, se zangar, gritar e berrar ou o que for, porque ninguém está prestando a menor atenção. É como se você não existisse. O que resta é se sentar em silêncio no seu canto e não reagir a mais nada nunca mais. Você se retira de uma maneira modesta e civilizada. 

 “Sentem uma grande divisão entre ele e a humanidade, a sociedade, os parentes e os estranhos. Um importante tema que aparece é carecer de um pai, ou se sentir abandonado por ele. É como se, ao ignorá-lo, negasse a sua existência. Também pode ser expresso pelo sentimento ou ideia de que seu pai está morto.

Natrum carbonicum procuram ajudar, são prestimosos e,  depois de terem cuidado de tudo, retiram-se graciosamente. São gentis e muito dedicados. Mas não querem reconhecimento público. Preferem estar sozinhos ou na companhia de poucas pessoas próximas. São sensíveis a música e as pessoas. São melancólicos apesar de nem sempre mostrarem, porque, ninguém irá perceber.

 

 

logo-naturoergos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Buscar Artigos
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Buscar por Autor

Veja mais Artigos